Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Oi pessoal, tudo bem com vocês? Depois de ter estragado mais um celular (o quarto em quatro anos), resolvi me desconectar das tecnologias para aprender a dar mais valor, ter VERGONHA NA CARA mesmo e cuidar das minhas coisas. E acabou que foi uma jornada de autoconhecimento, quando resolvi ficar quatro meses sem celular.

Arrasou garota!

Como eu iria adivinhar, que só quando fiquei sem celular, iria perceber como a vida me dava oportunidades de aproveitar mais a vida, mas que eu preferia ficar no celular, desperdiçando o meu tempo com coisas que não traziam nenhum benefício.

Ah! Tem matéria da Superela sobre como as tecnologias afetam nossos relacionamentos, dá uma olhadinha também: clica aqui!

Então vou contar quatro coisinhas que aprendi e você também pode aprender se deixar de lado um pouco o seu celular (e/ou outros aparelhos tecnológicos) e olhar para a sua volta!

O que você aprende quando se desconecta:

1. Tempo sobrando para fazer outras que coisas que sempre quis fazer

A gente vive tão vidrada no celular que acaba não percebendo o tempo que gastamos parados olhando um feed. Se você se propor a deixar um pouco de lado este aparelho, vai poder fazer mais coisas que sempre quis mas que “nunca tinha tempo” como: ler, tocar um instrumento que está parado na sua casa, fazer aquele curso grátis pela internet ou passar mais tempo com o boy ou família (terminei de ler um livro tão rápido que nem acreditei).

2. Estar realmente mais presente com você mesma e com as pessoas ao seu redor

Falando em boy e família… Tá aí uma coisa que muda completamente. Imagina você e seu namorado conversando direto (ou apenas em silêncio) sem pegar no celular nem um minuto? Bom, pelo menos você vai perceber a diferença e vai ficar com raiva quando ele pegar o dele rsrs. Sem nenhum aparelho tecnológico para dar assunto, vocês terão um ao outro para criar conversas, reparar um no outro e namorar mais ;).

3. Repensar o consumismo dessa geração digital

Ficar sem celular, usando apenas o da minha mãe para fazer ligações, percebi o quanto queremos algo que na real nem precisamos tanto assim. É o que o mundo consumista atual faz, ele nos deixa pensar que tudo o que temos não é suficiente. Que devemos ter sempre a roupa da moda ou o celular mais caro na linha para sermos o nosso “eu idealizado”, mas que no fim nem combina com quem realmente queremos ser.

4. Que a tecnologia não substitui tudo

É claro que as inovações ajudam muito a nossa vida, porém nós existimos sem ela. Conseguimos realizar coisas sozinhas, sem ajuda de ninguém e nem mesmo da tecnologia. Existem problemas que a tecnologia não vai nos ajudar a resolver, e como vai ser? Aí que o autoconhecimento é importante e nos ajuda a viver de uma maneira muito mais leve e sem preocupações.

Usar o que temos é sobrevivência

Assim, quando tiver algo que você possa resolver sem usar tecnologia, faça! Como falar pessoalmente com alguém, escrever em um caderninho, ou sei lá, se divertir dançando ao invés de jogar um joguinho no celular. Qualquer coisa que deixe seus relacionamentos mais humanos e menos tecnológicos.

Tá vendo como podemos deixar pra lá a tela do celular para nos conectar melhor com o mundo a nossa volta? Os nossos relacionamentos vão agradecer. Experimente!

Aproveite o seu tempo, aproveite sua vida!

Imagem: Pexels

@ load more