Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

O xixi no palitinho e o aparecimento das famigeradas duas listinhas vermelhas são as primeiras coisas a abalar corações e mentes de muitas mulheres. Para quem esperava o positivo, lágrimas de alegria e festa. Para quem é pego de surpresa por uma gravidez, um grande susto e a certeza que as coronárias estão em perfeito estado.

Se não teve um infarto agora, ainda há de viver muitos anos.

O que estou te dizendo é que, seja um bebê muito esperado ou uma grata surpresa do destino, todas as mulheres enfrentam as mesmas dificuldades a partir do xixi no palitinho

A gravidez é recheada de novidades, incertezas, desconfortos e alegrias. A melhor maneira de vivenciar esse momento é com apoio, que pode vir em forma de grupos de gestantes ou com acompanhamento de uma Doula.

Mesmo se eu quiser uma cesárea, Sam?

Mesmo se eu quiser uma cesárea, Sam?

Mesmo se você quiser uma cesárea.

Gravidez, doula e a cesárea

Existem alguns motivos para que uma gestação termine em uma cesárea além do óbvio sistema obstétrico atual que opera mais de 80% das mulheres sem necessidade clínica real.

De acordo com a Dra. Melania Amorim, obstetra pós-doutorada na Organização Mundial de Saúde (OMS), essas são as indicações absolutas para cesárea durante a gestação.

~aliás o currículo dessa mulher é impressionante, vale ler inteiro clica aqui!~

1) Prolapso de cordão – com dilatação não completa;

2) Descolamento prematuro da placenta com feto vivo – fora do período expulsivo;

3) Placenta prévia parcial ou total (total ou centro-parcial);

4) Apresentação córmica (situação transversa) – durante o trabalho de parto (antes pode ser tentada a versão);

5) Ruptura de vasa praevia;

6) Herpes genital com lesão ATIVA no momento em que se inicia o trabalho de parto (em algumas diretrizes, somente se for a primoinfecção herpética). A profilaxia a partir de 36 semanas com aciclovir é recomendada para reduzir o risco de lesão herpética durante o trabalho de parto nas gestantes com história de herpes genital.

Mulheres passam por todas as mesmas inseguranças durante a gestação, ser acolhida, ouvida, orientada pode significar mais do que bem estar. Significa qualidade de vida significativa e menor índice de depressão gestacional e pós parto. Significa maiores taxas de sucesso na amamentação. Isso é suporte que apenas Doulas oferecem.

Doulas estão sempre ao lado da mulher

Então sim, vale a pena ter uma ao seu lado independente da via de nascimento do seu bebê. Serão meses alimentando sua própria força e confiança para que esteja mais preparada, não para o parto, mas para essa nova fase tsunâmica que é a Maternidade.

Perguntas mais respondidas por Doulas: 

[foto de meleca] “Isso acabou de sair de mim, devo ir para o hospital?”

“Será que estou grávida?”

“Sinto muitas cólicas, estou só com 10 semanas… vou perder meu bebê?”

“Como faço para melhorar o enjoo?”

“Tô sentindo dor e quero fazer coco, será que já vai nascer?”

“Se eu fizer sexo durante a gravidez, machucarei o bebê?”

“Como posso ter um parto bacana no SUS?”

“O que levar na mala da maternidade?”

“O que posso fazer para ter um parto rápido?”

“Como preparo as mamas para amamentação”

“Estou com medo da dor, será que dou conta?”

“Quais os cuidados depois que o bebê nasce”

“A vagina fica larga depois do parto?”

Como conhecer uma Doula

A internet está aí pra te ajudar com isso, inclusive eu tenho o prazer de fazer parte de um portal com mais de 60 doulas que escrevem tudo sobre gestação, parto e amamentação: A Casa da Doula.

Miga, olha que crush doulistico!

Os textos são super bacanas, de um jeitinho que todo mundo entende e vão com certeza te deixar mais confiante durante essa fase tão cheia de novidades.

Como são profissionais de todo país que escrevem, provavelmente você vai encontrar uma profissional pertinho de você para te acompanhar no seu parto ou te oferecer uma consulta deliciosa com chá morno e um acolhedor escalda pés.

Permita-se conhecer a mulher incrível que você é, em sua plenitude.

Imagem: Reprodução / Casa da Doula

@ load more