Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

O ‘trabalho dos sonhos’ varia, de acordo com a pessoa. Existem algumas, por exemplo, que sonham em unir o que é considerado ‘o melhor dos dois mundos’: trabalhar e viajar ao mesmo tempo.

Pode parecer coisa de filmes, mas não é tão difícil encontrar uma profissão que dê mobilidade o suficiente para você viajar e aprender mais sobre diferentes culturas e lugares do planeta, e virar um verdadeiro nômade digital – um profissional que muda de país com certa frequência e que torna o mundo o seu escritório.

O mercado está mudando e trabalhar de casa tem, cada vez mais, soado como uma opção prática e muito desejável para os profissionais. Só de pensar que mais de 24% da população brasileira leva mais de uma hora para chegar no local de trabalho, é possível entender porque essa opção é tão ligada também à qualidade de vida.

Como, então, tirar esse plano do papel e seguir uma carreira que lhe permita viajar muito? Fizemos um brainstorming com algumas ideias que podem funcionar para você, quer já seja formada em uma dessas áreas ou esteja pensando em mudar de carreira.

Profissões para quem quer trabalhar e viajar ao mesmo tempo:

1.Blogger / Youtuber

Sim, a internet abriu muitas portas e revolucionou a forma como vemos o mundo. Blogueiros e Youtubers não são só pessoas que escrevem e fazem vídeos para a internet, mas profissionais que encontraram nessas plataformas uma fonte de renda e uma liberdade de falarem sobre aquilo que amam de um jeito único. Muitas dessas pessoas criam canais e blogs focados em viagens – e, por consequência, estão sempre visitando lugares diferentes por aí. Mas é comum elas usarem a visibilidade que têm para conhecerem lugares novos e produzirem conteúdos relacionados, mudarem de país por um tempo por algum motivo (como fazer um curso) ou fazerem viagens por causa do conteúdo que produzem (por exemplo, uma blogueira de beleza pode ser convidada para conhecer uma fábrica de perfumes na França).

Só não se engane: ter um canal ou blog de sucesso exige trabalho duro e dedicação e você precisa estar comprometida com o trabalho para que ele seja reconhecido e abra caminho para essas oportunidades.

2.Fotógrafo

Trabalhar com fotografia é uma arte, e existe uma gama de áreas de atuação que permitem, sim, você trabalhar e viajar ao mesmo tempo. É possível, por exemplo, você oferecer o seu serviço para turistas brasileiros que vivem em Roma, se decidir passar por lá, trabalhar com cobertura jornalística ou de moda para veículos de mídia do Brasil… As opções existem, basta procurar por elas.

3.Jornalista

Escrever não necessariamente precisa de um escritório completo para acontecer. Ser um jornalista freelancer, que faz trabalhos sob demanda para diferentes veículos ou que escreve matérias de viagem e turismo sobre o lugar onde você está, é uma opção que também permite essa mobilidade.

4.Editor de vídeos

Se você é um editor de vídeos, está no mesmo caso do item anterior: você pode editar o seu conteúdo de qualquer lugar do mundo e trabalhar sentado em um café em Paris ou de um restaurante em Hong Kong. Basta, claro, ter um bom equipamento sempre à mão.

5.Designer

Um designer gráfico ou alguém que trabalhe com design de layouts e logomarcas pode também ter mobilidade o suficiente para trabalhar de qualquer lugar do mundo. Pode ser um trabalho de freelancer, em que você faz trabalhos por demanda para os contatos no Brasil ou de qualquer lugar do mundo, ou um emprego fixo que seja no sistema homeoffice.

6.Guia Turístico

Você conhece alguém que vive viajando para a Disney com grupos de turistas? Pois bem, existem trabalhos de guia em que você viaja com grupos por algumas semanas, por exemplo. E há, ainda, a possibilidade de você ser uma guia alocada na cidade em que decidiu morar, e oferecer os seus serviços em hotéis ou hostels.

7.Programador

Trabalhar com programação também pode permitir uma vida nômade – como tudo o que você precisa é de um bom equipamento e conhecimento no que faz, é possível trabalhar e viajar ao mesmo tempo, basta ter as ferramentas apropriadas.

Qualquer que seja a sua escolha, saiba que viajar e trabalhar significa que, ainda assim, você vai precisar dedicar boa parte do seu tempo ao trabalho. Não só de turismo vive alguém que trabalha no esquema home office (ainda mais quando o escritório muda com certa frequência). Para isso, é preciso ter a atenção redobrada para prazos, especialmente por conta das diferenças de fuso-horário (sabia que quando é quarta à tarde por aqui, já é quinta de madrugada na Coreia?) e entender que esse estilo de vida tem altos e baixos como qualquer outro.

Foto de Capa: StockSnap


Você acha que pode ajudar a nossa usuária sobre esse assunto? Dê a sua dica respondendo a pergunta abaixo ou clicando aqui.

@ load more