Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Em certo ponto da vida acho que todos nós começamos a refletir e a nos questionar sobre o que esperar em relação ao futuro. São tantos caminhos, tantas escolhas, um mar de possibilidades, que às vezes nos causa a sensação de estar à deriva. 

Dois fatores são determinantes nessa jornada que você irá trilhar: o tempo e o futuro. 

O tempo por ser imprevisível, ele não vai te dar uma pausa e te oferecer um café ou congelar até você conseguir se descongelar e enfrentar seus objetivos com atitude. 

E o futuro, pois com ele vem a incerteza acompanhada do nosso medo de fracassar. 

Os dois juntos são capazes de nos bloquear e até nos impedir de dar o primeiro passo.

Traçamos planos, estabelecemos metas, sejam elas: planejar o casamento, morar sozinha, quem sabe finalmente encarar aquele tão sonhado intercâmbio que está há um tempão no papel, ou até mesmo realizar aquele antigo sonho de largar o trabalho, jogar tudo para o alto e fazer um mochilão, em nenhum momento deixamos de sonhar.

Mas a verdade é que de nada vai adiantar uma agenda cheia de metas e uma mente repleta de planos se eles não forem desejados com todo o apetite de quem está com fome. 

Sonhar sempre foi a parte fácil, o difícil é dar a cara a tapa e enfrentar a luta.

Quem nunca se viu parada no meio do caminho?

Ali tomada pelo medo e pela indecisão em relação ao futuro. Qual faculdade fazer? Qual profissão seguir?

A verdade é que nem o tempo nem as realizações vão tornar o seu caminho mais fácil. Quanto mais longe mais desafiador, quanto maior o sonho maior a responsabilidade.

Todos nós temos o nosso tempo não devemos nos afobar, nem nos desesperar em relação aos objetivos de vida. Porém, não cruze os braços esperando que as suas idealizações venham ao seu encontro sem esforço e sem trabalho.

Preparação é a chave!

Então invista no seu futuro, se olhe com carinho e cuidado, não deixe a sua mente estagnar e nem por um segundo deixe de acreditar na sua capacidade.

Por diversas vezes me senti em um labirinto. Tantos caminhos, tantas escolhas, vivi em vendaval de cobrança e não conseguia sair do lugar.

A sociedade a todo momento aumenta o peso da nossa bagagem e uma hora ela se torna pesada demais para continuar carregando. Chega um momento em que precisamos deixar de lado todo esse script que jogaram no nosso colo.

Eu não preciso dele para ser feliz e você também não. 

A felicidade não é uma lista de compras que você vai riscando os itens adquiridos e se tornando mais realizada. 

Vejo as pessoas saindo por aí citando as suas listinhas como se isso de alguma forma fosse garantia de realização e ainda cobra o outro com ar de julgamento por não compartilhar dos mesmo ideais. 

A felicidade é relativa

Então, vamos ser mais flexíveis e olhar menos para os itens conquistados e mais para os sorrisos nos lábios, no olhar que brilha, na leveza que exala. Que o nosso único propósito seja buscar a felicidade e se sentir realizada independente do caminho escolhido.

Imagem: Unsplash

@ load more