Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Sair para restaurantes, bares e baladas pode ser muito divertido, mas poucas coisas superam o conforto e a praticidade de receber pessoas em casa. Juntar essas qualidades com um tema divertido pode render uma ótima home party e aqui estão algumas ideias que vale a pena experimentar.

Temas diferentes para uma festa em casa:

Festa Anos 80: roupas divertidas e exageradas com muita música e referências

Anos 80 pode proporcionar diversas fantasias divertidas e música de qualidade – Foto de John Day

A década de 80 conta com alguns dos maiores filmes da história do cinema, como Os Caça-Fantasmas, Indiana Jones e Os Caçadores da Arca Perdida, Os Goonies, A Princesa Prometida, De Volta para o Futuro, Curtindo a Vida Adoidado e muitos outros.

Poucas décadas influenciaram tanto o mundo atual quanto essa e nos últimos anos a nostalgia pelos anos 80 chegou ao ápice com o lançamento de clássicos modernos como Stranger Things, que revisitam e expandem os universos desses longas.

Com tudo isso em mente, nada melhor que aproveitar essa onda incrível de nostalgia para dar uma festa temática com tudo que tornou esse período tão icônico.

As canções ditam a atmosfera do ambiente, por isso o primeiro passo para uma festa “eighties” é uma playlist que conte com todos os hits da época. É possível encontrar várias opções nos principais serviços de streaming, mas quem quiser criar uma playlist personalizada não pode esquecer de incluir sucessos de bandas como The Police, Aerosmith e Kid Abelha e de músicos como Bon Jovi, Madonna, Whitney Houston e Tina Turner.

Depois das canções, a segunda parte mais importante para uma festa temática bem-sucedida são as roupas, por isso tenha certeza de incluir no convite a necessidade dos convidados se vestirem com itens dessa era, como legwarmers, óculos de sol escuros gigantes, rabos-de-cavalo laterais, tops altos, diversas pulseiras de borrachas, luvas sem dedos e ombreiras.

Para quem é fã de How I Met Your Mother, basta lembrar da inesquecível Robin Sparkles. As mulheres também podem se inspirar no figurino de personagens de Stranger Things, como Eleven, Max e Karen Wheeler, e os homens podem se inspirar em Billy Hargrove, Dustin Henderson e Jim Hopper da mesma série.

Não existem muitas regras em relação a comida e as bebidas que serão servidas. A única parte importante é que elas sejam tão coloridas e exageradas quanto as da época, como dadinhos de amendoim, guarda chuvinhas de chocolate, gelatina mosaico e Itubaína.

Para completar o tema da festa, também é possível colocar vários concursos de atitudes e programas clássicos do período, como lip-sync, air-guitar e pac-man ou até mesmo um jogo de perguntas e respostas sobre os anos 80. Tudo com prêmios relacionados, como uma mix tape ou pôsteres de filmes dessa era.

Festa Volta ao Mundo: inúmeras opções de comida e decoração para uma festa eclética

Uma festa com tema ‘Volta ao Mundo’ pode contar com elementos de diversos feriados internacionais, como o St. Patricks Day da Irlanda – Foto de Michael Rivera

Se a principal vantagem da festa dos anos 80 é a diversão com o exagero, aqui o maior diferencial é a enorme possibilidade de opções disponíveis para o anfitrião e os convidados.

A principal ideia por trás de uma “Festa Volta ao Mundo” é emular o espírito de comemorações tradicionais como a Copa do Mundo, as Olimpíadas e a Festa das Nações e de parques como o famoso Epcot, com diversas comidas, bebidas e vestuários típicos de países ao redor do mundo.

A melhor forma de fazer isso é utilizar como base os principais atributos dos feriados tradicionais de cada país, como o carnaval brasileiro, o Oktoberfest alemão e o St. Patricks Day irlandês, para então criar uma experiência única e inesquecível que junte tudo isso de uma forma orgânica e divertida.

Por exemplo, para representar a Irlanda, é possível colocar diversas decorações com trevos de quatro folhas, arco-íris com potes de ouro e muito verde. Já para homenagear a Alemanha podem ser utilizados diversos copos do tipo stein, bandeiras da Oktoberfest e chapéus tiroleses.

A comida que será servida pode ser igualmente eclética. Os aperitivos podem ser as famosas “tapas” da Espanha, enquanto o prato principal poderia ser uma bela macarronada da Itália e sobremesa poderia ser um tradicional profiterole da França.

Montar uma mesa de tacos com serviço à americana ou uma clássica mesa de salgadinhos brasileira também é uma excelente opção que permite que os próprios convidados se sirvam e libera o anfitrião para se divertir durante a festa sem ter que se preocupar muito.

O ideal é escolher apenas algumas nações e fazer com que cada uma delas conte com um espaço definido com bandeirinhas ou outros adereços indicando o que o convidado pode esperar. Pense em combinações que fazem sentido e se complementam, como os pratos mencionados acima.

Da mesma forma, a música pode ser a mais diversa possível, mas é bom separar os ambientes ou os momentos em que cada estilo será tocado para não confundir o clima da festa.

Por exemplo, é possível começar o jantar com músicas francesas calmas e abrir a pista de dança com música folk irlandesa. Tudo depende do quão abertos os convidados estiverem para novas experiências.

Poker night: competição de cartas entre amigos com direito a comidas gostosas e muito bate papo

Dependendo da competitividade dos convidados, uma poker night pode ser uma das opções mais tranquilas ou animadas de home party! – Foto de Jay Johnson

Finalmente, a última ideia de home party para hoje é uma estonteante poker night. Aprender a jogar poker é muito fácil e o clima de competição saudável desse jogo pode proporcionar a atmosfera certa para uma noite de diversão inesquecível.

A preparação para esse tipo de festa é muito tranquila. O anfitrião só precisa de um baralho de qualidade, fichas e uma boa mesa para reunir a galera. Depois disso, basta escolher a modalidade que será jogada, que pode ser desde a popular Texas Hold’em até a imprevisível Omaha e a clássica Five Card Stud.

É muito importante levar em conta o nível dos convidados em cada uma dessas modalidades e escolher a que a maioria dos participantes consiga jogar bem para manter um bom nível de competitividade. Além disso, sempre é bom lembrar que se trata de um jogo entre amigos e que o objetivo principal da noite é a diversão.

Como todos os presentes estarão ocupados com as cartas é imprescindível servir alguma receita de finger food, sanduíche ou outro tipo de comida que possa ser facilmente ingerida sem muito esforço pelos jogadores. Inclusive, a própria ideia do sanduíche foi criada por John Montagu, 4º Earl de Sandwich, para que fosse possível jogar cartas sem se preocupar com sujar as mãos de comida.

A música é completamente opcional, mas jogadores mais casuais podem se divertir mais com a trilha sonora correta, enquanto competidores mais profissionais podem ficar distraídos com o som extra. Por isso é uma boa ideia falar com os jogadores antes de colocar qualquer som.

Para completar, a decoração pode ser a da própria residência ou contar com alguns elementos que remetam ao poker. Isso vai desde cartas de baralho gigantes até uma clássica decoração de salão do velho-oeste. Tudo depende dos gostos do anfitrião.

@ load more