Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Já passou por um término de namoro?

A história de uma amiga me motivou a escrever novamente sobre esse assunto doído e estridente.

No passado tive fama de “casamenteira”, primeiro pela quantidade de amigos que meu trabalho proporcionava e a inspiração que me aproximava deles. Depois pela percepção que permitia com que eu os conhecesse bem e por fim por meu entusiasmo a cada vez que descobria a possibilidade de “encaixar” duas destas pessoas em um par mesmo que não padrão e nem perfeito.

Recentemente, uma amiga me convidou para tomar café, poucos dias após vivenciar o término de namoro doloroso de um relacionamento de longo tempo.

No meio da conversa, baseada no meu antigo histórico de casamenteira, falou que estava no período “de luto”, mas que em breve queria que eu, apresentasse algum amigo, ou desse dicas de lugares onde ela pudesse voltar à convivência de pessoas que realmente valessem à pena, já que estava há muito tempo “fora de mercado”.

Ainda tinha a mágoa e tristeza declaradas no rosto, mas sua animação me admirou! E continuou falando que antes de eu apresentar alguém, se houvesse, ela precisava: emagrecer os 8 kg que havia engordado no final do relacionamento e fazer uma viagem para algum lugar onde nunca tivesse ido.

Daí estaria pronta para voltar a ser a pessoa super interessante que sempre foi. Meninas, há quem acredite, obedeça, dependa e viva se lamentado à espera da sorte chegar e enquanto ela não vem, permanece estacionada sob a dependência e vício do passado.

Como lidar com um término de namoro

termino de namoro - 1

A vida está emperrada? Qual é a FORMA para lidar o término de namoro?

Sair da inércia
Criar objetivos novos
Ter uma rotina nooova!
Se lançar e descobrir a saída.
Colocar outra(s) coisa(s) no lugar.
Se encorajar, tomar impulso e redescobrir quão maravilhosa você é, mas que pode estar esquecida no momento.

Tuuudo passa, e a velocidade com que vai acontecer, só depende de você. É sua decisão e sua escolha!

Afinal, o que a gente não escolhe é ser traída, nem assistir a luminosidade da paixão se transformar em pó.

Também jamais está preparada para ver o cara “desaparecer”, ouvir ele dizer que “ o problema não é você, é ele”, ou simplesmente pedir para vocês “darem um tempo” e no dia seguinte postar fotos dele, brindando, na maior cara de alegria.

E sabe o que é que você pode fazer, pelo amor acabado que já foi tingido de um colorido intenso mas hoje virou um borrão? Nadiiinha!

Sabe o que você pode fazer pelo fato consumado? Nadiiinha.

Não é para atribuir má fama ao amor, nem para desacreditar de tantos quantos certamente ainda estão por vir. É para você abrir seus vivos olhos e entender que esse aí passou, embaçou, e que para se desinstalar dele, tem que fazer a sua parte.

Se desesperançar imaginando que não tem opções melhores e maiores, espernear, ficar de pote vazio, pedinte se submetendo a um tiquinho nocivo de atenção, fazer chantagem, ser refém das redes sociais, permanecer que nem estátua olhando para a parede, ficar presa ao celular esperando ele apitar ou aparafusada no passado.

Sabe aonde te leva?

A esvaziar sua vida, minar sua energia, te fazer uma pessoa sem brilho, além de não facilitar nem resgatar coisa alguma do que já se esgotou. Preciso te dizer que mesmo que você fique atrás do poste, siga a vida dele que nem uma sombra aflita, emudeça suas vontades e paralise sua vida, nada vai fazer o mundo parar pra te esperar.

Jamais diria para você não chorar até estancar, ou para apagar o seu passado.

Nada disso!

Derrama sim suas doídas, fartas e caras lágrimas, até o final dessa noite, e não apaga o passado não, ela sempre serve de lição. Só te digo para se desenroscar e deixá-lo lá na sua história.

Escolhe: continuar “reclamona”, conformada paciente crônica, ou decretar uma vida “sob nova direção”.

Você é, o que pensa e o que faz todos os dias. Há providências a serem tomadas. E uma delas você já tomou: entrou no SUPERELA para ler textos que falassem da vontade e chances de sair da sua agonia.

A forma? Sair da inércia! Ter objetivos novas e uma rotina nova!

termino de namoro - 2

Vai melhorar

Fazer esse exercício de Coaching, emergencial, descomplicado e extremamente poderoso para sair do “oco”, abraçar a vida e desamarrotar o coração.

Papel e caneta na mão e toda energia que você tenha.

Ah essa forma não é uma fórmula mágica mas sim, a possibilidade de um rumo novo na vida. Para quem passou por um término de namoro, ou para reforçar a coragem de acabar o que já deu tudo o que tinha que dar, ou para a poderosa segurança de decidir não querer ninguém no momento até que a vontade lhe apareça, ou para “inverter” o jogo, ou ainda, simples e acertadamente, para listar tantas motivações que realcem quanto você é maravilhosa, mas pode estar esquecida no momento.

Se lembra da minha amiga no começo desse texto?

Então, e para você, o que está faltando para se sentir interessante novamente e avistar todas as coisas maravilhosas que existem e ainda não está aproveitando?

Pense e comece a escrever cada mudança, movimento, atitude, objetivo, desejo; tudo que pode fazer você e sua vida novamente significativa e provocativa.

Ao lado de cada uma dessas “metas”, escreva a sensação, sentimento, efeito ou diferença que trarão para sua vida e quando vai dar início.

Quanto mais interesses você escrever e mais detalhar cada um deles, mais fácil sua execução.

Para ajudar, aí vão alguns exemplos para lidar com um término de namoro:

1. Movimento

Tire esse pijama, tome um belíssimo banho, escreva no seu espelho embaçado que você é _______ (qualquer coisa boa), se perfume com água de colônia, passe seu batom vermelho só pra você, vista uma roupa fresca, ligue alto a música dançante mais animada, corra para a cozinha, faça um ovo mexido com tirinhas de salmão ou presunto, ou carne moída, ou só com azeite mesmo. Prepare um suco de limão puro, ou com hortelã e gengibre para beber no quintal, na varanda, ou na janela olhando o movimento da rua. E se ache a “chef de cozinha” perfumada e desintoxicada.

Ihhh não gostou da ideia. Odeia cozinhar?

Vai lá fora, tome um açaí com sorvete de banana ou caipivodca de caju, pinte as unhas no salão, compre um livro para ler tomando café com chocolate 70% ou “brownie” na caneca. Se presenteie com um shortinho jeans ou uma t-shirt vermelha de alcinha. Compre um vasinho de begônias amarelas, um de manjericão ou de pimenta malagueta para colocar no parapeito da janela. E perceba que voltou à vida, decidida e produzindo endorfina.

2. Mudança

Se organize: prepare a agenda completa de amanhã e dos próximos três dias, colocando tudo que está pendente e precisa ser concluído para te aliviar a responsabilidade e também anotar uma coisa boa para fazer todos os dias. Você vai fazer a vida ficar em dia e mais leve e sentir orgulho de si mesma. A diferença que isso fará na sua vida? A ossibilidade de liberar tempo e espaço para coisas novas.

3. Meta

Emagrecer ou engordar (se é algo que você realmente acha que precisa). Como? Procure uma nutricionista ou um site de orientação nutricional, volte aos exercícios físicos 3 a 4 vezes por semana, faça sol ou faça chuva, esteja mansa ou em TPM. Comece amanhã, mesmo que seja sábado.

Quer realizar outra meta? Faça um curso novo regular ou rápido online e gratuito, qualquer um: inglês, francês, arte, filosofia, animação, atendimento ao cliente… Você vai se sentir mais capacitada, bonita, atraente, bem disposta, leve e usar várias roupas que estão encostadas.

4. Atitude

Mude o FOCO! Bloqueie todas as redes sociais dele e pare definitivamente de investigar os amigos, os horários, as fotos e a rotina de qualquer pessoa que te remeta ao passado. Foque em coisas novas que valham à pena. A não ser que queira continuar exatamente aí onde você está (não quer isso né?). Mude os trajetos que faz todo dia, mude de assunto.

Procure programas, atividades e principalmente pessoas que te façam rir, alegria contagia! Você vai se sentir mais livre.

5. Desejo

Quer viajar para um lugar novo? Decida para onde e quando, escolha alguma cidade “turística” (uma semana após a Semana Santa porque é mais barato rs). Pertinho só para comer pastel e tomar um golinho da cachaça local na praça da igreja e em seguida subir a ladeira a pé. Longe para socializar em algum quarto quádruplo de hostel e fazer trilha de bike até se cansar ou mais longe ainda em um hotel para visitar museus e tomar chá quente ou sorvete cremoso na calçada). Você se sentir ainda mais livre. E isso te trará mais satisfação na vida (e muitos assuntos novos).

São apenas sugestões… O que vai valer mesmo é você sair da inércia, ter objetivos novos, rotina nova e tomar impulso para encontrar a saída. Continue escrevendo tudo e quanto possa te renovar.

Esse exercício chama: vontade, foco, coragem e decisão de ser feliz!

Quer saber se você vai ter sorte?

Sorte é tudo aquilo que você encontra, quando se decide, prioriza e corre atrás.

Quer saber se vai ficar bonita? Para sempre e sempre que você acreditar e se enxergar bonita.

E se vai ser feliz? Nítido e declaradamente, tanto e quanto decida, assuma, aja e se declare assim.

Instagram: Partilhandoautoestima


Agora que você sabe como lidar com um término de namoro que tal responder essa pergunta no Clube?

@ load more